Como lidar com a Privacidade do Seu filho e o Uso da Internet?

O Poder dos Pais      Jacqueline Vilela • 06 Março 2016

Se você ainda não ouviu essa frase do seu filho: - Eu preciso de privacidade. Você vai ouvir.

Os adolescentes querem sempre o seu espaço e não suportam ver esse espaço invadido.


Mas como lidar com o tema Privacidade, quando o assunto é o uso do celular e da internet?

Muitos pais defendem o controle rígido e fazem varreduras nos celulares e computadores dos filhos. Já outros defendem que o filho precisa sentir a confiança nele, para também confiar nos pais. E vários estão perdidos, sem saber qual postura assumir.

Para te ajudar nessa questão, eu gostaria de colocar aqui um texto da escritora, palestrante Glennon Doyle, sobre como ela lida com o filho adolescente sobre essa questão:

 

Na semana passada eu estava fazendo a minha costumeira varredura nos textos e contas Instagram e todas as coisas eletrônicas do meu filho. Ele olhou para mim e disse: - "Mamãe. Quando eu vou ter um pouco de privacidade nessa coisa? "

Ainda estou rindo dessa conversa. Senhor, eu amo esses pequenos seres humanos em minha casa.

Aqui está uma versão mais articulada da minha resposta:

"Bem, querido. Pedir privacidade na internet é como pedir a privacidade no meio de um estádio de beisebol lotado. Tanto na Internet como beisebol temos muito público. Quando você diz coisas na Internet ou em um estádio de beisebol, as pessoas próximas a você são livres para ouvir essas coisas. Sua mãe é uma das pessoas que são livres para ouvir porque elas compraram o bilhete para estarem lá, assim como quando eu comprei esse celular, nós sentamos e conversamos sobre o uso.


É compreensível que você precisa de privacidade em sua vida, querido. Alguns exemplos de espaços privados são, por exemplo, o banheiro. Ou dentro do seu cérebro. Ou até mesmo atrás da porta fechada de seu quarto.
O que eu estou sugerindo é que, quando você precisar de privacidade para seus pensamentos, talvez deva pensá-los na sua cabeça. Ou entrar no seu quarto e anotá-los dentro de um diário. Prometo nunca lerei o seu diário. Um diário é privado. A internet é pública. Entendeu a diferença?

 

Quando você precisar de privacidade para seus pensamentos, talvez deva pensá-los na sua cabeça. Ou entrar no seu quarto e anotá-los dentro de um diário. Prometo nunca lerei o seu diário. Um diário é privado. A internet é pública.

- "Mas como, se a minha conta da Internet é privada e precisa de senha para entrar?", Disse.


Estou tão feliz que você perguntou sobre isso! Quando você, MEU FILHO, cria uma conta de internet para que outras pessoas visitem, imagine que você está criando uma sala e convidando pessoas para entrar nela.


É como se você estivesse criando a sua própria festa! Tão divertida! Mas acontece que você tem 12 anos e, com essa idade, ainda não pode criar a sua própria festa sem que eu me envolva e, com doze anos, qualquer festa que você criar tem que ter o meu aval, porque você só tem doze anos e tudo o que você faz com essa idade é minha responsabilidade.


Então é minha responsabilidade certificar-me de que a festa que você dá é um encontro positivo e seguro para todos os convidados que você convidou.


Eu entendo, querido. Você é quase um adolescente e assim é o seu trabalho para lutar pelo seu direito de festejar na internet. Por favor, sinta-se livre para continuar fazendo seu trabalho, e eu vou continuar fazendo o meu.


O seu trabalho hoje é ser adolescente e até me questionar. E eu te respeito e te permito fazer isso. E o meu trabalho é estar aqui. Inspecionar. Fazer perguntas. Aprender mais sobre você e seus amigos. Cuidar de você. E depois de falar com você sobre o assunto, aprender e refletir. Eu amo tanto você e seus amigos que eu quero ensiná-lo a criar bonitos, divertidos e seguros encontros de internet.


Confie em mim, é possível festas INTERNET realmente grandes. EU FAÇO. Então me veja como um consultor de Internet que te ajudará a fazer grandes e lindas festas, seguras e divertidas ok?

Seja como for, mãe.

 

FIM DA CONVERSA


Quando você deu o celular para o seu filho, quais regras vieram com esse celular?


A decisão da privacidade do mundo on-line para filhos é muito pessoal. Mas nunca se esqueça de que deixar o seu filho continuar a fazer o trabalho dele, que é ser adolescente, e você apenas continuar fazendo o seu.

E você, como controla hoje o uso do seu filho e lida com a privacidade? Comente o que achou desse texto para que cada vez mais possamos nos apoiar em práticas de amor com os adolescentes!

 

Se esse assunto é para você primordial e você precisa equilibrar o usao das tecnologias, clique na foto:


adolescente cel

 

 

 

Obs: Texto adaptado. Confira o original nesse link: http://momastery.com/blog/2015/06/29/safe-ish-online/